quinta-feira, 25 de agosto de 2011

PCdoB lança pré-candidatura de Pedro Bigardi a prefeito de Jundiaí


Renato Rabelo, Pedro Bigardi, Orlando Silva e Tércio Marinho

Realizado dia 20 (sábado), na Câmara de Vereadores daquela cidade, o evento político reuniu representantes de diferentes partidos, integrantes do PCdoB da região, torcidas organizadas e as maiores expressões da legenda tanto em nível estadual quanto nacional.

Nem o frio intenso e a chuva foram capazes de tirar o ânimo de filiados e simpatizantes do PCdoB de Jundiaí, que reuniu pelo menos 400 pessoas durante a Conferência Municipal do partido.

Na oportunidade, além de dar posse à nova diretoria do Comitê Municipal do partido, o ato também serviu para referendar o nome do deputado estadual Pedro Bigardi como pré-candidato a prefeito nas eleições de 2012.

Eleito com quase 70 mil votos no pleito do ano passado, Bigardi confirmou a condição de maior liderança de esquerda da região de Jundiaí – formada por uma população de quase 1 milhão de habitantes.

“Em 2007, quando decidi me filiar ao PCdoB, lembro que fizemos uma reunião com 20 pessoas, aqui mesmo nesta Casa. Hoje, ao ver este Plenário completamente lotado, me sinto muito orgulhoso. Isso também é fruto do crescimento que o partido está tendo em todo o Brasil”, destacou.

O ato político organizado pelo PCdoB foi considerado pela imprensa da cidade como a largada para as disputas eleitorais do ano que vem.

Apoio maciço

Personalidades do partido – como o presidente nacional do PCdoB, Renato Rabelo, o ministro do Esporte, Orlando Silva, a deputada estadual Leci Brandão e o vereador paulistano Netinho de Paula – expressaram total apoio ao deputado Bigardi.

Representantes do PT, PV, PMDB, PSB e do recém-criado PSD na cidade também fizeram questão de ressaltar a importância do PCdoB e dos partidos de oposição ao atual governo do PSDB na luta por melhores condições de vida para a população jundiaiense.

Participaram ainda o prefeito de Várzea Paulista, Eduardo Pereira, os vereadores Enivaldo Ramos de Freitas, o Val (PTB), e Durval Orlato (PT), além do deputado federal Guilherme Campos (coordenador regional do PSD).

Um comentário:

Anônimo disse...

E o Vice, quem é que o candidato lançou?