terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Morre terceira vítima da nova 9 de Julho de Miguel Haddad (PSDB). Até quando?

Na ânsia em defender a Prefeitura, alguns chegaram a acusar injustamente, nas redes sociais, a vítima mais recente de "estar embriagado", o que é ainda mais lamentável perante o sofrimento que as famílias passam em situações como esta.

Foto: Marcelo Langue/Jornal de Jundiaí
- do blog Mais Jundiaí

Morreu no Hospital de Caridade São Vicente de Paulo a terceira vítima da falta de segurança na avenida 9 de Julho. Antonio Belmiro das Virgens, 41 anos, estava internado desde o último dia 15 de janeiro, após cair com seu carro no córrego da avenida, recém-reformada. Sem defensas ou guard-rails nas margens, essa é a terceira vítima da chamada 'Nova 9'.

Vale lembrar que a Prefeitura ficou de rever a ideia de que “o paisagismo é que faria a segurança” para veículos e pedestres após, no dia 27 de maio do ano passad, mãe e filha morrerem após também cairem no córrego.

Ainda no hospital, Belmiro havia concedido uma entrevista à repórter Tereza Orrú, do Jornal de Jundiaí, em que afirmava após o acidente: "Moro em Campinas, mas costumo vir a Jundiaí visitar meu irmão. Tinha observado que não tinha nenhuma proteção e que isso poderia causar acidente", disse. Belmiro recordou ainda que no dia do acidente chovia muito e, ao passar por um cruzamento um veículo passou em alta velocidade, cortando a frente do seu carro.

Antes disso, já preocupado com a situação, este blog já alertava para o problema. "Pelo traçado e pelas características físicas, a avenida não é perigosa. Os acidentes ocorridos tiveram como causa a imprudência", afirmava o secretário de Obras, Sinésio Scarabello Filho, à época.

Na ânsia em defender a Prefeitura, alguns chegaram a acusar injustamente, nas redes sociais, a vítima mais recente de "estar embriagado", o que é ainda mais lamentável perante o sofrimento que as famílias passam em situações como esta.

A morte de Belmiro foi anunciada no próprio Jornal de Jundiaí na seção de falecimentos do último dia 9, mas não foi repercutida, passando despercebida pela opinião pública local. (colaborou Emerson Leite)

2 comentários:

Anônimo disse...

Vai continuar assim mesmo, até que um Prefeito de raça seja empossado e desfaça esse monte de M---A que o psdb fez.

Estão aí há tanto tempo que não possuem mais capacidade de inovar, criar, planejar, administrar e, dizem que só eles sabem governar, como se, em Jundiaí só hovesse burros e tapados ignorantes...

PEDRO BIGARDI neles!!!!

Anônimo disse...

É sempre assim: a culpa sempre é dos outros, eles estão sempre certos, não erram nunca, são transparentes... Agora a vítima é a culpada. É claro que não há repercussão! E eles "deixam"? São os honestos, transparentes, não pessionam ninguém, enfim, uns verdadeiros santos.
Meu sonho é ver, ou melhor, imaginar em 2012 o povo de lá arrumando as gavetas, colocando tudo numa sacolinha (espero que seja a sacolinha da salvação do planeta!) e indo embora. Haja sacola pra guardar todas as tranqueiras de 30 anos. Nossa, serei a pessoa mais feliz do mundo, vendo essa corja ter que desocupar a moita e, se Deus quiser, pra NUNCA MAIS voltar.
Acorda, povo de Jundiaí!